segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Num dia de tédio, na hora do almoço, fui ao shopping farejar e saí levando este verdinho. Como ultimamente o calor tem predominado na maior parte do ano, Ô de L'orangerie é um bálsamo refrescante que ajuda bem a tolerar os dias quentes. No início senti laranja amarga, depois flores sutis e limão, basicamente. Não dura o dia todo, no máximo umas 5 horas.  É geladinho, portanto só para o verão mesmo.

Prolonga a sensação de banho recém tomado.

É bom? É. Compraria outro? Não. Usei muito, acabou rápido, mas não faz meu tipo, não gosto muito de cheiro de mato e ele tem essa coisa verde muito pronunciada. Ainda não é o MEU perfume fresco de verão que espero encontrar.

Denise

segunda-feira, 18 de agosto de 2014


Eau de Glow de Jennifer Lopez

Floral.


As notas de topo: Flor de Laranjeira africana e Toranja 
As notas  de coração são Íris, Jasmin, Baunilha e Rosa 
As notas de fundo são Almíscar, Sândalo e Âmbar
Taí um perfume macio, suave, discreto, calmo e até infantil. Bom para ser usado no corpo todo após o banho.  Tem cheiro de mãe, de quarto de bebê,  e é uma delicadeza! Flores e sândalo bem misturadinhos e redondinhos. No início há mais flores que se assentam levemente em base almiscarada, atalcada. E olha que sândalo é um aroma perigoso, mas nesta combinação ficou na medida do conforto. O meu está nas ultimas gotinhas.Tenho perfumes que comprei muito antes dele e ainda estão no meu armário. Eau de Glow  eu usei muito rápido, pois é cheirinho para o dia a dia, vai do jeans ao baby doll.

Denise

sábado, 16 de agosto de 2014


"LAir du Temps de Nina Ricci é um perfume Floral Feminino lançado em 1948. O perfumista que assina esta fragrância é Francis Fabron.  
Notas de topo: Cravo, Pêssego, Néroli, Bergamota, Rosa, Pau-brasil e Aldeídos.
Notas de coração: Alecrim, Cravo, Gardênia, Violeta, Orquídea, Trevos, Lírio Florentino, Jasmin, Ylang Ylang e Rosa
Notas de fundo: Especiarias, Íris, Âmbar, Sândalo, Almíscar, Benjoin, Musgo de Carvalho, Vetiver e Cedro."


Quanta coisa!
Esse foi outro que acabou rápido, pois usava com freqüencia  e em todas as ocasiões. É um perfume leve, mas penetrante e romântico. Muito feminino, me trazia sensação de bem estar e 
tranquilidade. Clássico e totalmente anos 40, é penteadeira de vó com certeza, mas sempre vai agradar mulheres delicadas. Há quem goste do frasco, mas eu não gostei. A tampa era de plástico e as pombas  grosseiras.  Como um romance bonito que ficou no passado, e bom enquanto durou. Tenho boas lembranças mas não compraria outro, quero novas experiências!
Denise

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Eau de Vanilliers de L`Occitane en Provence

Oriental.

Eau de Vanilliers foi lançado em 2004. A fragrância contém Âmbar, Almíscar, Frésia, Baunilha, Jasmin, Ylang Ylang e Orquídea.


Mais um perfume  desaparecido da L'Occitane. Essa loja me irrita muito porque cria  perfumes maravilhosos e depois para de comercializá-los deixando milhões de pessoas desamparadas.
Ganhei uma amostrinha microscópica dele e fiquei encantada com o aroma dessa baunilha. Ela era divina! Quando fui procurar na loja para comprar um frasco de 2 litros, se tivesse, a vendedora disse que a fava de baunilha estava muito rara na França e que por esse motivo a L'Occitane parou de fabricá-lo. Saí de lá com uma frustração enorme. Se na França que é a França não tem baunilha, o que fazer?

Eu  nunca mais encontrei nada sequer semelhante. Até comprei o perfume de baunilha, mel e limão da marca, este aqui:


mas embora interessante, não tinha nenhuma semelhança com o Eau de Vanilliers, muito mais sublime.

Ele me fazia sentir como se estivesse em um conto de fadas, em um história dos irmãos Grimm. Devia ter ópio naquilo!

Denise








 

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Jasmin d' Êgypte - L'occitane

 

Voyage En Méditerranée

Jasmin D’Égypt, Eau de Parfum!

 
Notas de cabeça de bergamota e folhas de hera, notas de coração de jasmim grandiflorum, flor de laranjeira e lírio do vale e notas de base de cedro e âmbar.
 
Na vida nada é para sempre, eu sei. Nem perfumes.
Quando você pensa que finalmente encontrou o jasmim mais puro e próximo do verdadeiro, ele some da prateleira da L'occitane no mundo!

Então restou-me apenas a lembrança cheirosa e o frasco vazio desse perfume delícia.
Tá lá, não jogo fora.

Puro jasmim. Não vejo outra nota misturada.

Era lindo, e com ele me sentia um verdadeira flor plantada em um jardim.
Esse eu tive vontade de  beber!
Era um drink de primavera!

Denise

 

 

domingo, 10 de agosto de 2014

Montaigne - Caron


Montaigne

Não se pode subestimar um Caron!

Estou com ele há 3 anos e na primeira borrifada pensei "meu Deus! Que cheiro é esse? " Era muito diferente de tudo. Tive medo e deixei-o de lado. Usava muito raramente e sempre com medo. Daí que, prestando mais atenção na criatura, fui conhecendo melhor, deixando ele se apropriar de mim e tchammmram! Eu adoro, adoro, adoro Montaigne! São muitos perfume em um frasco só. Começa como uma tempestade picante, mas vai se modificando lindamente com o passar das primeiras horas e se acalma na pele como se a penetrasse, fundindo-se a ela de modo confortável e encantador. É um perfumão francês. Me sinto rainha com ele. Combina com grandes eventos, noites de gala e jóias. É muito luxuoso esse perfume. O meu já esta da metade pra baixo e meu coração já esta apertado vendo-o acabar.

As notas de topo são Jasmin, Coentro, Laranja Amarga, Mimosa e Tangerina as notas de coração são Narciso e Cassis ou groselha preta e as notas de fundo são Sândalo, Âmbar e Baunilha.

Sinto laranja só no início, cassis, âmbar e com certeza aldeídos. Baunilha também, mas de forma muito discreta.  Só uso nas noites de inverno e sempre muito bem arrumada e maquiada. Ele exige isso. É rico!

Denise




sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Shiraz - Natura





Shiraz: "Ex-capital da Pérsia, cidade dos poetas, do vinho e da uva Shiraz.
É também conhecida como Casa do Aprendizado, Cidade das Rosas, Cidade do Amor e Cidade dos Jardins."

Shiraz de Natura : Chipre Frutado

As notas de topo são Bergamota, Tangerina, Cassis ou groselha, Pêssego, Ameixa, Láudano francês e Sálvia. As notas de coração são Jasmin, Noz-moscada, Trevo, Cardamomo, Canela e Rosa. As notas de fundo são Sândalo, Patchouli ou Oriza, Musgo de Carvalho, Cedro da Virgínia e Baunilha.

Usei muito esse perfume nos anos final dos anos 80 e 90, por aí. Depois ele sumiu de linha.

A Natura há alguns anos fez um relançamento dele, então comprei. Gosto e tal, mas não me encanta mais como antes. O nariz vai aumentando o repertório de aromas e aquilo que amávamos de repente não agrada mais. Normal. Uso de vez em quando, e sempre no inverno,  Hoje mesmo resolvi usá-lo, e tá até bom! Amadeirado,com muitas especiarias, canela, noz-moscada e cardamomo.
É dos fortes, lembra quentão de festa junina e vinho quente.

Nota? Ah, parei de dar nota no quesito perfumes, sou muito volúvel pra isso!

Denise

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Dior Addict - Eau de Parfum

 
Dior Addict - Eau de Parfum 
 
Versão 2012 - anel dourado em volta do frasco
 
Floral Oriental Amadeirado: Quente, Sensual, Confortável, Feminino.
Flores Brancas e Baunilha.
E essa Baunilha Gourmand é POTENTE, ela demora algumas horas para se mostrar perfeitamente aveludada, redonda, quente, e é ela que vai te acompanhar pelas próximas 12 horas num drydown prá lá de aconchegante.
 
Notas de folhas de mandarim, flor de árvore de Seda, dama da noite, rosa da Bulgária, jasmim sambac, flor de laranjeira, baunilha Bourbon, tonka bean e sândalo.
Eu acrescentaria Canela, embora não esteja na descrição oficial da marca Dior.
 
O primeiro Dior Addict que conheci pertencia à Denise, e eu não tinha gostado. Simples assim.
Era a primeira formulação de Thierry Wasser feita em 2002, e eu achei incensado demais, forte demais, amargo demais, a baunilha era escondida por detrás de muito incenso, tinha alguma coisa que me lembrava couro, e eu não gostei. Esqueci dele por uns 10 anos.
 
Denise insistia que era "maravilindo". Classudo, baunilha da Dior não é qualquer baunilha,
Passaram-se alguns anos. Sim... anos, conheci vários perfumes, me apaixonei por alguns, detestei outros, C'est la vie...
 
Então, quando viajei pra França uma outra amiga queridíssima me encomendou este perfume, e eu o  trouxe na bagagem. E ela não o quis mais... Fiquei meses com esta preciosidade na gaveta, e um dia resolvi abri-lo, desde este dia então tenho ficado mais e mais pobre. Dior custa caro. 
Mais e mais apaixonada, ou seja, mais um perfume que não vou conseguir viver sem.
 
Isso foi em Setembro de 2013, e eu não sabia, mas o perfume havia sido reformulado de acordo com proibições de uso de algumas matérias primas, sabidamente alergênicas, a retirada do musgo de carvalho em Dior Addict deu mais leveza ao aroma, porque essa versão que eu tenho (versão  de 2012 by François Demachy perfumista atual da Casa Dior) não tem aquele incenso forte que me lembrava couro.
 
Versão de 2002 - Sem o anel dourado
 
E eis que meu estilo "perfumístico" está caindo sempre nas mesmas notas, quentes.
Acho que estou começando a definir minha assinatura olfativa, enfim (será?), pois estou sempre à procura do aroma perfeito. Haja vista a minha paixão pelo Allure Sensuelle, baunilha quente, cremosa, profunda, Baunilha  de Bourbon.
 
Dior Addict requer cuidado, cria dependência, vicia, você não vai ficar livre dele pelas próximas 12 horas.
Fixação excelente, rastro marcante e projeção fantástica.
Drydown quente, confortável, te acompanha muito bem num dia frio.
A impressão física que tenho é que ele me veste como uma segunda pele.
É incrível!
Use Com Moderação!!!
 
Addict = adicto = do latim addictus
  1. que se apega
  2. que se afeiçoa a
Leia-se VICIANTE.
 
Nota 10.000
 
Daniela